Nutrição do network: como otimizar sua rede de contatos

Investir em uma boa nutrição do network pode fazer toda a diferença no seu sucesso como recrutador. Algumas vagas podem surgir rapidamente, com prazo curto para serem preenchidas e, na hora da pressa, talvez você precise recorrer às mídias sociais para encontrar alguns candidatos para a seleção, sem conseguir fazer bom uso dessa ferramenta.

Com uma rede de contatos eficiente e funcional, você vai conseguir acessar aqueles profissionais que já conhece e que se encaixam perfeitamente para a vaga, ou ainda, conseguir uma boa indicação com outros selecionadores.

Porém, construir e nutrir esse network não precisa ser uma tarefa complexa. Neste post, destacamos 7 dicas que vão ajudar nesse processo. Confira:

1.Lembre-se de aniversários e datas importantes

Com a ajuda do Facebook e Linkedin, ficou fácil saber as datas de aniversário e outros momentos importantes, como o nascimento de um filho. Parabenizar as pessoas é um gesto simpático e cria uma certa aproximação, mantendo o contato e eliminando aquela sensação desagradável quando você precisar falar com a pessoa por algum motivo pontual.

Nessas ocasiões, você pode mandar uma mensagem direta, um e-mail ou até mesmo um cartão virtual.

2. Envie convites para eventos interessantes

Se você vai participar de um evento relacionado à sua área de atuação que pode enriquecer seus conhecimentos e agregar profissionalmente, experimente convidar as pessoas que têm interesses parecidos.

Com certeza elas ficarão felizes de terem sido lembradas e se participarem do evento, vocês podem estender a conversa pessoalmente e estreitar laços. Além disso, essa atitude demonstra generosidade em dividir informações e interesse no desenvolvimento profissional dos colegas, fazendo uma grande diferença na nutrição do network.

3. Apresente pessoas para aumentar a nutrição do network

Se houver espaço e intimidade para isso, procure entender qual o problema que seu colega está enfrentando. Você pode conhecer outra pessoa que possui os recursos necessários para ajudar na solução desse problema, servir de intermediador e apresentar essas pessoas, para que uma nova relação profissional seja construída.

Isso vai gerar resultados positivos para ambos e aumenta as possibilidades de que lembrem-se de você para uma parceria ou novo projeto.

4. Monte um calendário de contatos

Use um calendário para controle dos contatos profissionais, assim você consegue mandar uma mensagem para alguém com quem não conversa há algum tempo. Manter a frequência é uma estratégia bem eficiente de nutrição do network.

Sabendo quem está mais distante, é possível equilibrar essas relações, marcar um café ou mandar um “olá” para não perder o contato.

5. Compartilhe conhecimento

Se você encontrou um artigo interessante, está lendo um livro que tem a ver com a atuação dos seus contatos ou ouviu um podcast com informações que impactaram no seu trabalho, procure compartilhar esse conhecimento.

Você pode usar as redes sociais para isso, marcando as pessoas envolvidas no assunto ou mandando uma mensagem direta para iniciar uma conversa.

6. Marque encontros durante as viagens

Se alguns dos seus contatos moram em outras cidades ou países, procure reservar um tempo na sua programação para promover um encontro quando visitar estes lugares. A nutrição do network faz parte da rotina de trabalho e é importante separar um espaço na agenda para essas pequenas reuniões para manter a sua vida profissional fluindo.

7. Seja simpático e atencioso

Nada pior do que tentar um contato e a pessoa ser fria ou simplesmente ignorar sua mensagem, não é mesmo? Procure atender bem todas as pessoas que te procurarem. Mais do que uma questão de educação, você nunca sabe quais serão as suas relações de trabalho futuras e onde esse profissional pode chegar.

Busque também ajudar as pessoas que procurarem você, seja com uma informação importante, um contato ou uma orientação sobre como proceder com determinado problema.

Valorizar a nutrição do network vai ajudar a encontrar os melhores talentos durante os processos seletivos que você promover. Lembre que contar com referências é um diferencial na hora de fazer uma contratação mais acertada, e as melhores indicações costumam vir de ex-colegas e pessoas de quem você já conhece o trabalho. A manutenção desses relacionamentos ajuda não só a fazer uma seleção melhor, mas também pode auxiliar quando você precisar de uma nova colocação no mercado.

Para otimizar mais ainda o seu trabalho, confira o nosso artigo sobre como a tecnologia está mudando os processos de seleção e recrutamento.